quarta-feira, 25 de junho de 2008

Capítulo 56

Iam a caminho do aeroporto aproveitando cada momento para estarem juntos até que…
Miley: Bem, parece que, chegamos.
Nate: Pois é. Então, vemo-nos daqui há alguns dias não é?
Miley: Claro que sim.
Dá-lhe um beijo. Era agora que eles se iam separar depois de tão pouco tempo juntos. Nate embarca no avião, olhando sempre para trás tentando ver a Miley, e esta depois de ter visto o avião a desaparecer ao longe vai para casa. No outro dia, na escola.
Ashley: A sério… foi tão fofo vê-los juntos.
V: Eu queria tanto ter estado lá.
Monique: Sim, fazem um par tão romântico.
Miley: Parem lá com isso.
Corbin: Sim, já estão a deixar a moça envergonhada.
Zac que não estava com o grupo chega e senta-se do lado de Vanessa dando-lhe um beijo.
Zac: Bem, o Kenny disse para irmos hoje sem falta.
Ashley: Já me tinha esquecido.
Corbin: O Kenny está a exigir bastante de nós agora.
Jared: E faz bem, daqui há algum tempo acabamos as gravações e entramos mesmo de férias.
Miley: Para vocês, pa mim não.
Jared: Quando é que tens férias?
Miley: Sei lá.
Zac: E o nosso Nate…
Toca um telemóvel.
Miley: Desculpem é o meu.
Olhando para o telemóvel sorri.
Jared: lol que sorriso.
Corbin: Porquê será?
Ashley: É melhor perguntares: Por quem será?
Monique: Não se vê logo?
Miley: Já volto.
E afasta-se para atender.
“Miley: Oi.
Nate: Oi, era só pa dizer que cheguei vivo, para além das saudades que estão-me a matar.
Miley: Também eu… passei tão pouco tempo contigo. Em pensar que perdemos tanto quando discutíamos…
Nate: Mas eu gostava de ti picar. Olha manda um granda abraço meu ao pessoal.
Miley: Está bem. Adoro-te…
Nate: Eu amo-te! Logo a noite ligo outra vez.
Miley: Não quero que estejas a gastar tanto dinheiro.
Nate: Como é por ti… não me importo nada! Beijo
Miley: Beijinhos…”
Quando acaba a conversa volta para pêro dos amigos.
Ashley: Foi boa a conversa?
Corbin: A mim parece-me que sim.
Riem-se e passam algum tempo a falar. Mas… 5minutos antes de tocar, Zac vê alguém com que já não falava há um certo tempo e que estava a vir na sua direcção.
Lily: Desculpem mas…
Monique: O que estás aqui a fazer?
Lily: Eu…
Ashley: Olha que aqui não há nada para ti.
Lily: Eu estou a tentar ser simpático…
Corbin: Sim, sim.
Lily: Eu só queria falar com o Zac.
Zac: Força.
Lily: Em particular. Por favor…
Zac olha para Vanessa.
V: Faz o que achares melhor.
Zac sai da mesa e vai com a Lily.
Jared: Mas o que é que ele tem na cabeça?
Corbin: Ela até parecia…
Monique: Não me vais dizer que ela está arrependida. Aquela ali só quando morder a língua.
Enquanto estes discutiam as opiniões…
Lily: Zac, eu sei que te fiz muito mal e peço-te desculpa por isso.
Zac: Lily, eu…
Lily: Deixa-me acabar antes que perca a coragem. Naquela altura eu não tinha a cabeça no lugar… eu juro que estou a tentar ser melhor mas os teus amigos não ajudam nada.
Zac: É difícil acreditar. Eu conhecia-te melhor… melhor do que ninguém. Pelo menos pensava isso… e nunca destes o braço a torcer.
Lily: Vá lá, dá-me uma oportunidade. Deixa-me ser tua amiga… eu ainda gosto de ti mas… por favor deixa-me tentar.
Lily chora… ou seria a fingir? Não se sabia, só ela, mas Zac acabou por ceder.
Zac: Está bem… Tenho que ir…
Vai para a sala pois já tinha tocado. No fim das aulas vão para os ensaios, enquanto uns estavam a treinar certos passos Corbin, Zac e Vanessa sentam-se.
Corbin: Então? Como foi?
Zac: Ela parece estar arrependida… não sei.
Corbin: Pois… ela não é muito fiável, logo…
Zac vira-se para Vanessa, levantando-lhe o rosto e olhando-a nos olhos.
Zac: O que achas? Tas tão calada.
V: Eu não acho nada.
Zac: Sabes que para mim a tua opinião é importante não é?
De longe Kenny faz um pequeno sinal chamando-os e acabando por interromper a conversa. No fim, Monique e Vanessa vão aos balneários mas Ashley fica porque quer falar com o Zac.
Ashley: Desculpa Zac mas qual é a tua de fazer aquela pergunta estúpido a V?
Zac: Eu só…
Ashley: Sinceramente sempre pensei que fosses mais esperto, isso não se faz a nenhuma rapariga, nenhuma! A tua sorte é que ela é paciente e compreensiva porque se não meu amigo, já estavas sozinho… e mais…
Zac: Posso falar?
Ashley: Não vês que ainda não acabei? Aviso-te não vás na onda daquela porque ela não é flor que se cheire. Agora podes.
Zac: Eu amo a Vanessa e estou a fazer aquilo que acho certo. Penso que todos merecem uma segunda oportunidade se tiverem arrependidos.
Ashley: Ela não está arrependida.
Zac: Como é que sabes? Vou pensar melhor sobre isso.
Ashley: Acho que ela só está a fazer fita. Mas, se tu queres…
Zac: Brigado.
Zac e Ashley abraçam-se. Ashley era uma boa e grande amiga de Zac e Zac admirava-a por dizer sempre a verdade e na frente das pessoas sem ter medo da reacção das pessoas. Vão cada um para os seus respectivos balneários. Quando Zac sai vê a Vanessa e vai té com ela.
Zac: Desculpa eu sei que estou a agir mal mas… não sei! Eu amo-te! E se achas que não deva fazê-lo diz-me porque acho que tens razão… quer dizer todos têm razão.
Vanessa: Não… também acho que as pessoas… merecem uma segunda oportunidade. Eu vou apoiar-te em todas as tuas decisões…
Zac e Vanessa abraçam-se e vão para casa de Zac. Chegando lá ouvem pessoas na sala a falarem. E vão lá.
Zac: Bem… Pai, mãe. Esta é a…
Dylan: Sim, a tua nova namorada!
Zac vê o seu irmão que tinha ido em viagem e vai abraça-lo.
Zac: Então mano? Tou a ver que as “fériaszitas” te fizeram bem!
Dylan: Sim mas prefiro tar em casa. (e dirige-se para a V) Já que o meu querido irmão não me apresenta… Dylan ao seu dispor.
V: Vejo que és igualzinho ao teu irmão.
Zac: Ei… larga a minha namorada sim? Arranja uma pa ti!
Todos riem-se-
Zac: Esta é a Vanessa a MINHA namorada. Estes são os meus pais.
Pais de zac: Muito prazer.
V: O prazer é todo meu.
Mãe: Bem, queres acompanhar-nos no jantar?
Pai: Sim, assim conhecemo-nos melhor.
Zac: Aproveita que não é todos os dias que estamos todos juntos!
V: Aceito mas primeiro tenho que avisar a minha mãe.
Mãe: Podem ir para cima enquanto vou ver o que se tem por esta casa.
Zac e Vanessa vão para o quarto.
V: São simpáticos.
Zac: E gostaram de ti mas também… quem não gosta?
Deitam-se na cama de Zac abraçados e começam-se a beijar… minutos depois aparece Dylan.
Dylan: Mano por acaso não vistes onde é que…
Quando se dá conta de que está a interromper.
Dylan: Desculpem… desculpem…
Vanessa levanta-se envergonhada.
Zac: Se fechasses o punho e batesses devagar na porta era uma grande ajuda.
Manda uma almofada contra a porta.

Bem eu sei k tá um poukinho atrasado mas… coiso!
Beijinhos (desculpem n ter imagens mas isto aki teve um pkn problema k já estará resolvido no próximo capitulo)

5 comentários:

baby jeje disse...

é pekeno mas é lindo! lol! eu sei que sou xata como sempre lol!gosto de te ouvir faz de mim uma pessoa mais util lol! adoro-te beijos

Telma disse...

adorei
tens muito jeito
continua
beijos
passa plo meu
historias_zac_and_vaness.blogs.sapo.pt

ou

historias_sobre_zanessa.blogs.sapo.pt

beijos

MissVanni disse...

isto é pequeno?!?!?! eu acho cada capitulo enorme, mas muito fixe!!! bjx

***Sarinha*** disse...

adr
bJos

Zanessa23 disse...

Lindo

cntinua