sexta-feira, 28 de março de 2008

Capítulos 27 e 28

Capítulo 27
Zac volta para frente do banco.
Zac: Já fiz o que querias, agora deixa-os sair.
Ladrão: Agora que o jogo estava a ficar melhor?
Zac: Isto para ti, é um jogo? Por em risco a vida de pessoas que não têm nada a ver com isto? Mas, afinal… o que foi que eu te fiz?
Ladrão: Pergunta o que é que a tua querida mãe me fez. Passei 15 anos na prisão, perdi os 15 melhores anos da vida do meu filho. Não o pude ver a dar o primeiro passo, não o pude ouvir a dizer as primeiras palavras…
Zac: Tenho imensa pena que não o tenhas feito mas isso só aconteceu porque tiveste que assumir as consequências dos teus actos.
Ladrão: Fui acusado de matar uma criança. Mas eu não o fiz, acusaram-me de uma coisa que eu não tinha feito.
Zac: Eu não sei o que aconteceu, mas eu posso-te ajudar.
Ladrão: Não quero a tua ajuda para nada. Ninguém me pode ajudar, o tempo não pode voltar atrás por isso vou fazer a tua mãe sofrer até o final da vida.
Zac: Então leva-me a mim, não a estas pessoas que não fazem a mínima ideia do que está a acontecer.
Ladrão: Achas que vai ser assim tão fácil? Eu não vou deixar esta beleza fugir.
Zac: Não lhe faças mau, eu juro-lhe que se lhe fizer alguma coisa eu…
Ladrão: Tu o quê? Vais-me matar, força! A minha vida já está acabada.
Zac: E o seu filho? E a sua mulher?
Ladrão: A minha mulher morreu no parto, estava muito fraca. O meu filho… ele cresceu nos piores lugares que se pode imaginar e acabou por se meter em drogas, e também o perdi.
Zac: Mas você ainda está vivo. Pode reconstruir a sua vida.
Ladrão: Não, não posso. A minha vida vai à baixo, mas eu não vou sozinho.
Zac: Não lhe faça mau. Eu… eu amo-a.
Era a primeira vez que Zac falava em amor. As palavras simplesmente saíram-lhe da boca, saíram-lhe do coração. Vanessa ouviu-as pelo telemóvel e ficou paralisada. Começaram a cair lágrimas dos seus olhos.
Zac: Vamos fazer uma troca, eles por mim. Não ganha nada mantendo-os aí.
Ladrão: Isso é que ganho, a tua dor, o teu sofrimento. Mas esta bem, deixo sair todos menos a rapariga e tu entras.
Zac: Não, ela também sai!
Ladrão: Rapaz, quem dita as regras aqui sou eu. Tranca-os a todos no carro e trás as chaves.
Zac não tem outra opção e faz o que lhe é dito. Depois de o fazer…
Ladrão: Entra, devagar… sem nenhum movimento bruto ou então, vais-te arrepender para o resto da tua vida.
Zac entrou e deu-se com aquela deplorável imagem. Nessa altura ele odiou-se a si próprio, a culpa de a Vanessa estar ali era toda dele. O ladrão quando vê Zac atira Vanessa para o chão, Zac sem mais pensar atira-se ao chão e agarra-a, pondo-a em seus braços. Vanessa olha-o nos olhos.
V: Zac, tenho medo.
Zac abraça-a com todo amor tentando transmitir-lhe calma.
Zac: Não tenhas, eu estou contigo.


Capitulo 28

Ladrão: Vês como dói, quando perdemos uma pessoa?
Zac: Deixa-a sair. Já me tens a mim! O que queres mais?
Ladrão: Eu quero que sintas dor, nesta altura a tua mãe já deve estar preocupada contigo.
Neste momento o telemóvel de Zac toca. Era a Ashley. Zac olha para o ladrão.
Ladrão: Quem é?
Zac: É a… minha mãe.
Ladrão: Atende e diz o que está a acontecer. Com calma.
Zac atende.
Zac: Mãe!
Ashley fica confusa.
Ashley: Haa?? Sou eu a Ashley, eu estou com os outros, queres vir té connosco?
Zac: Não mãe, não posso ir té com vocês.
Ashley: O que está a acontecer? Não estou a perceber nada.
Zac: Eu e a Vanessa estamos presos num banco com um ladrão.
Ashley: O quê? Não estás a brincar pois não.
Zac: Não, infelizmente não é nenhuma brincadeira.
Ashley: Em qual banco é?
O ladrão tira o telemóvel dentro da mão de Zac.
Ladrão: Lembra-se de mim? Sim, eu estou a brincar apontando uma 9.0ml a cabeça do seu filho e da namorada.
Ashley ficou confusa não sabia o que fazer. Namorada? Que namorada? Ela pensou que o ladrão haveria de se ter achado que a Vanessa era namorada do Zac. Ashley tentou disfarçar a voz e por fim entrou no “plano” do Zac.
Ashley: O que está a fazer com o meu filho?
Ladrão: Não se lembra de mim? Já se esqueceu? Sou aquele que lhe mandou uma pequena carta há uns dias.
Ashley: Sim, eu sei quem é! Mas o que quer com o meu filho?
Ladrão: Só estamos a fazer um pequeno jogo.
O ladrão mau acaba de dizer isso, aponta a arma para o tecto e dá um tiro.
Ashley: O que quer que eu faça?
Ladrão: Por enquanto nada…
Ashley: Nada? Não quer um resgate… ou coisa do género. Nada?
Ladrão: Por enquanto… não. Depois volto a ligar para dizer se o seu filho está vivo.
O ladrão desliga o telemóvel. Ashley fica petrificada, ficou branca e voltou para a mesa onde estava os seus amigos.
Jared: O que foi?
Monique: Meu Deus… estás bem?
Ashley: O Zac… O Zac…
Nate: O Zac o quê?
Ashley: O Zac… O Zac…
Corbin: Diz!!
Jared: Espera.. acalma-te. Agora diz… com calma… respira. Sim?
Ashley perde a calma toda e diz aquilo como se fosse um relâmpago
Ashley: Ele e a V estão presos num banco com um maluco que lhes está a apontar uma arma à cabeça.
Finalmente respira, deixando os outros muito confusos e de boca aberta.
Corbin: Hããã??
Monique: Meu Deus!!!
Jared: Mas, como isso aconteceu?
Ashley: Não, sei. Não percebi mais nada. O Zac começou-me a chamar de mãe…
Nate: Eu conheço o Zac, de certeza ele fez isso para nós os ajudarmos.
Ashley: O que será que ele quer que faça?
Corbin: Como está a ficar tarde temos que ligar as mães deles e dizer que vão passar a noite fora. Monique: Sim, mas… a mãe do Zac pode ter alguma coisa a ver com isso.
Ashley: Sim, eu falei com o raptor. A mãe do Zac pôs ele na cadeia e acho que ele agora…
Jared: Quer vingança.
Jared, Ashley, Corbin, Monique e Nate puseram mãos ao trabalho, fazendo aquilo que tinham dito e também pensando no que iam fazer. Como estariam dentro do banco?

6 comentários:

Di@n@ disse...

Lindo.... adorei, esta fantastico!!!!!!! Estou ansiosa pelo proximo.... por favor posta rapido...
Bjs

HannaMoranguita disse...

eu tremi neste capítulo! ainda tou ve lá tu! posta mais!! please!
kiss

Anónimo disse...

está mt mt lindo.... por favor posta rapido... bjx

ana disse...

Adorei! A tua historia esta fantastica! Parabens, es mt original... mas eu agora estou ansiosa por saber o resto, pexo-te k postes + capitulos o + rapido k poderes, estou mesmo mt curiosa...

Bjs

Bianca disse...

tá lindo...como consegue fazer os capitulos tão lindo assim!!

Anónimo disse...

AMEI!!!!fikou linduhhhh,simplesmente demais adorei tens imenso para eskrever........a historia esta exelente...tas de parabens super anciosa por o proximo capitulo.....xau bjx kontinua ass:VERA RODRIGUES